fbpx

branding | digital marketing | webdesign

7 Dicas para ter sua marca reconhecida

A conscientização da marca é vital para qualquer negócio.

E para que você prospere nesse ambiente digital em constante mudança, você precisa desenvolver a conscientização da marca e torná-la consistente. 

Lembre-se: marca não é uma coisa única ; ela abrange toda a vida útil do negócio.

Cada negócio precisa passar pela fase inicial. E nesta fase, é fácil a gente se deixar levar e negligenciar o que o público-alvo pensa sobre a marca.

E falando bem a verdade, o que as pessoas pensam ou percebem sobre o nosso negócio é mais importante do que você pensa ou faz.

Antes que os clientes possam se conectar emocionalmente com a gente, precisamos criar um nível de conscientização para a nossa marca. Imagine o nível de conexão que todos temos com a Coca-Cola – embora a marca não seja uma empresa iniciando no mercado, eles também começaram de algum lugar – do zero.

Como divulgar a sua marca tão importante quanto qualquer outra etapa na construção de um negócio forte e rentável, e eu gostaria de mostrar as 7 etapas necessárias para que você desenvolva o conhecimento da marca.

Está Pronta? Então vamos lá.

1. Entenda seu cliente ideal

Verdade seja dita, promover um produto, um serviço ou até mesmo uma causa na qual você acredita, não é tão fácil num primeiro momento.

Ponto crucial para o seu negócio: se você não conhece e não compreende quem é seu cliente ideal, tentar uma aproximação e um contato para promover sua marca e sua ideia, será difícil. Se você o conhece, você vai ter meios para atraí-lo.

Se você não sabe quem é seu alvo, como vai falar a língua deles e se conectar com eles emocionalmente?

Profissionais de marketing inteligentes simplificam todo o processo criando uma Buyer Persona. Antes de lançar qualquer campanha de marca, os profissionais de marketing devem representar seu cliente ideal. 

De acordo com um estudo do ITSMA , um renomado instituto que “define, constrói e inspira excelência em marketing de serviços B2B”,

Apenas 44% dos profissionais de marketing realmente desenvolvem personas de compradores antes de lançar suas campanhas, e 85% dessas pessoas não estão usando as pessoas de maneira eficaz.

Antes de você chegar a conhecer seu cliente ideal de fato, o perfil da Buyer Persona lhe dará uma visão geral do seu público-alvo, onde reside, suas principais necessidades, metas, desafios, dados demográficos e muito mais.

Uma vez que você tem uma persona, é hora de fazer algo com ela. Não fará sentido se tudo o que você fizer é se sentir bem depois de saber quem é seu alvo. 

Você deve agir . Você pode começar preenchendo o modelo gratuito de Buyer Persona que criei.

2. Construa relações através de conversas

Descubra onde sua audiência se encontra, participe ativamente de conversas, leia as perguntas e respostas que elas estão respondendo na internet e então faça seu próprio banco de informações.

Quando você entrar na discussão, seja disciplinado o suficiente para ouvir mais. Já que você já pode oferecer soluções para os problemas que as pessoas têm, você precisa dar a elas a oportunidade de falar o que pensam .

Construir consciência de uma marca que fica nas mentes das pessoas não é uma ciência exata. Você vai precisar fazer tudo como se fosse um grande laboratório. No final do dia, suas respostas serão construtivas e serão baseadas nos insights obtidos durante a conversa.

Você está direcionando uma audiência que é mais ativa no Instagram, e não publica com tanta frequência no Facebook? Então, não perca tempo no Facebook mas preste atenção no que vem acontecendo por lá também.

3. Defina uma meta e determine seu orçamento

Antes de poder alocar dinheiro para publicidade PPC, por exemplo, você precisa definir um orçamento .

Para ajudar você a começar, se sua meta é atingir 1.000 novos usuários em uma semana e você desenvolveu uma landing page de alta conversão que gerará até 350 inscrições, você pode querer alocar R$300,00 em publicidade no Facebook .

Na mesma linha, se você quiser alcançar 500 novas pessoas no Instagram, você pode reservar R$150,00 para a publicidade. A partir dessa análise, você pode ver que seu objetivo impulsiona / influencia seu orçamento .

Não cometa erros sobre isso; você não consegue criar reconhecimento de marca sem gastar dinheiro. Esteja preparado para gastar tempo e dinheiro. É assim que as empresas podem causar impacto hoje e nos próximos anos.

4. Estabeleça presença na mídia social

Todos sabemos que as mídias sociais estão aqui para nos ajudar a compartilhar, conectar, comunicar e ajudar uns aos outros.

Essa é a essência.

Como uma empresa, quais ferramentas você pode utilizar para ajudar as pessoas, além de usar seus produtos, serviços, ideias e conteúdo?

Comece a construir o seu Twitter a seguir. Mesmo que seus clientes potenciais não estejam ativos lá, faça-os entrar no seu ritmo e leve-os para lá. 

E o mesmo se dá com o Facebook. Você já experimentou criar uma estratégia diferente para o Facebook antes de dizer que essa plataforma já deu o que tinha que dar?

Se você quer que sua marca atraia os empresários, você deve ter uma forte presença no LinkedIn. Nunca é tarde demais – você pode começar hoje a construí-lo.

5. Desenvolva uma Proposta de Valor forte

Se você está apenas começando com um orçamento de R$150,00 que pretende gastar em anúncios no Facebook e Instagram, por exemplo, você gostaria que as pessoas clicassem em sua página de destino e não tomassem a ação desejada (por exemplo, inscrever-se em sua lista ou inscrever-se como um usuário de teste gratuito)?

Eu particularmente, duvido.

O “elemento” que fará com que as pessoas tomem a ação desejada é sua “proposta de valor“.

A Proposta de Valor é uma afirmação clara de que explica como o seu produto resolve os problemas dos clientes ou melhora a sua situação (relevância), fornece benefícios específicos (valor quantificado), diz ao cliente ideal porque deve comprar de você e não da concorrência (diferenciação única).

Certifique-se de que a sua Proposta de Valor seja clara, orientada para os benefícios e persuasiva. Se você fizer isso, sua taxa de conversões aumentará com o passar dos dias.

6. Analise seus concorrentes

Você tem concorrentes? Todos temos, não é mesmo?

Descubra o que eles estão fazendo e o que você provavelmente está ignorando. É engraçado mas eles podem não estar saindo da caixa com algo super extraordinário, mas tem algo que eles têm feito diferente que pode estar dando certo.

Você não deve ser como eles.

Mas estude a proposta de valor, o visual entre outros. Em seguida, use os insights e as informações que você colheu para criar sua própria eexclusiva campanha.

Se você puder agregar algo a mais ao seu público-alvo, nada os impedirá de se tornarem os seus clientes fiéis.

7. Aproveite o marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo redefiniu a maneira como as empresas estão construindo suas marcas. É a maneira mais rápida de explorar o tráfego do mecanismo de pesquisa. 

Posso te contar um segredo?
O marketing de conteúdo, vai além do conteúdo escrito

Vídeos, podcasts, infográficos, postagens em mídias sociais, PDFs, conteúdo interativo e apresentações de slides são alguns dos formatos que você pode usar para o seu conteúdo.

Mais importante, você deve promover este conteúdo. Acredito que um conteúdo atraente atrai clientes fiéis, mas uma promoção de conteúdo consistente cria um conhecimento de marca forte e sustentável.

Concluindo

Na web, sua marca é sua identidade definitiva . Em um espaço virtual em que seus clientes não o conhecem pessoalmente antes de realizar negócios com você, sua marca precisa ser confiável .

Se você implementar essas etapas simples e comprovadas, você certamente posicionará seu início como uma marca confiável para os clientes.

E se você tem interesse em começar com a sua Marca da melhor maneira possível, é só entrar em contato porque posso te ajudar.

Formulário de Contato

Comment

EnglishPortuguese