fbpx

branding | digital marketing | webdesign

Encontrar o Objetivo da sua Vida não precisa ser um Peso

Leve a Vida de Maneira Leve e Descubra qual seu propósito enquanto Ser Humano

Há sempre um questionamento que nos cerca ao longo da nossa vida, seja com 10, 18, 21 ou 50 anos: O que eu devo fazer da minha vida quando crescer?

 Essa questão tem um peso imenso em nossas almas e, na maioria das vezes, cria bastante estresse, confusão e muitas pessoas chegam a ficar desapontadas consigo mesmas. Mas com tempo, as coisas vão mudando e não muito tempo atrás, eu mesmo estava com as mesmas perguntas recorrentes de pesadelo:  Por que estou aqui? Como posso alcançar meu potencial máximo? Qual é o meu propósito na vida?

Um propósito ou uma vida intencional é viver com paixão , fazer o que você ama e causar impacto no mundo que, por sua vez, lhe dá uma sensação de satisfação. 

Agora, eu quero dizer que você não tem que estar vivendo o seu propósito 24 horas por dia, até que você morra para que ele seja cumprido. Parte do problema com o conceito de “propósito de vida” ou por que ele carrega tanto peso para isso, é porque nós humanos acreditamos que uma vez que o encontremos,  todos os nossos problemas serão resolvidos magicamente. A ideia de que todos nascemos para algum propósito maior e é nossa missão cósmica de encontrá-lo a todo custo também pode ser muito estressante e confusa.

Perguntas para encontrar seu objetivo

Acredito que para evitar sentir o peso da pergunta “qual é o propósito da minha vida”, você deveria estar perguntando: “O que eu posso fazer com o meu tempo na Terra que é importante e eu vou gostar de fazer?”  

Esta questão elimina o peso do “propósito de vida”. Além disso, muda sua mentalidade para que você possa realmente encontrá-lo de maneira leve e verdadeira.

1. Qual era sua paixão quando criança?

Quando eu era criança, gostava muito de escrever. Amava e era excelente em matérias como Língua Portuguesa e Literatura. Eu não mantive um diário da minha vida, mas cada vez que eu me propusera a escrever, saíam ótimos textos. Foi só quando comecei a blogar que me lembrei do quanto eu adora escrever e me dei conta que isso seria um dom. Todos nós temos essa tendência a perder o contato com nossos sonhos de infância, com o que amamos fazer quando éramos inocentes e livres de preocupações. Algo sobre pressões sociais e adultas nos faz esquecer nossas paixões. O que é essa coisa em sua vida agora que faria a criança em você irradiar com orgulho? O que deixaria você com 8 anos de idade em total admiração?

2. O que faz você esquecer o mundo ao seu redor?

Você já fez algo em que perdeu a noção do tempo? Talvez você estivesse pintando, escrevendo, conversando com um amigo e, de repente, são 5 da tarde e você se esqueceu de comer, então você pulou o café da manhã e o almoço. Ahhhh! Além disso, você está tão impressionado com o que você estava fazendo que você não fez pausas no banheiro e nem sequer te incomodou? Isso, gente, é chamado de estar em estado de fluxo . O que quer que o mantenha acordado a noite toda (no bom sentido) pode começar a apontar você na direção do seu propósito.

3. Se você tivesse liberdade financeira, o que você faria com o seu tempo? Onde você iria?

Imagine que você é um bilionário! Você nunca mais precisa se preocupar com dinheiro. Você tem duas casas, carros, tudo o que você sempre quis, até mesmo garantir que sua família fique confortável caso venha acontecer algo não planejado. E agora eu te pergunto? Em que você é tão apaixonado que você ainda quer fazer quando o dinheiro não é mais um problema? tenha como exemplo Kylie Jenner, que já estava bem longe, famosa, tecnicamente não precisava trabalhar um único dia em sua vida… No entanto, ela construiu um império de milhões de dólares com base em sua paixão pela maquiagem. Onde você investiria seu tempo?

4.  Que questões ou ideias você poderia discutir por horas?

O que você tem de informações infinitas? Algo que desperta tanta paixão em você que seus amigos tendem a se cansar de ouvir você falar sobre isso… Talvez seja algo tão simples como café ou tão complicado quanto uma nova linguagem de programação. Não importa o que, você sabe que quando você ouve um determinado tópico, seu coração começa a bater um pouco mais rápido e você quase instintivamente quer levantar sua mão para adicionar seus dois centavos, estilo old-school.

5.  Qual é o seu sabor favorito de sanduíche de merda? ( O melhor questionamento, sério)

Tudo na vida vai ocupar parte do seu tempo e nada na vida é totalmente perfeito. Eu li certa vez na internet – mas não me perguntem aonde pois já devo ter excluído dos meus Favoritos Salvos – sobre comer o sanduíche de merdae soou como uma verdade em forma de soco no estômago em mim. A essência disso é: que lutas você está disposta a tolerar com o tempo para fazer o que ama? O que determina nossa capacidade de ficar com algo que nos interessa é a nossa capacidade de lidar com os dias de merda que vêm com ela. Qual é o seu sabor de sanduíche de merda?

6.  Como você pode ajudar a salvar o mundo?

O mundo está cheio de problemas dolorosos. Eu não estou dizendo que você tem que largar tudo, apertar um super terno e sair para salvar toda alma viva. Apenas encontre um problema com o qual você se importe e comece a resolvê-lo. Pode ser tão fácil quanto começar uma nova linha de meias, onde 5% das vendas vão para uma causa da qual você se importa profundamente, ou pode ser algo como oferecer serviços de design para ajudar outros humanos a começar seus negócios de sonhos. Obviamente, você não vai resolver sozinho os problemas do mundo, mas pode contribuir e fazer a diferença mesmo que seja apenas na vida de uma pessoa. Essa sensação de fazer a diferença é, em última análise, o que é mais importante para a sua própria felicidade e realização. Então, quais problemas você pode resolver bem ? De que maneiras você pode ajudar os outros e agregar valor a suas vidas?

7.  Se você soubesse que ia morrer em um ano a partir de hoje, o que você faria? Como você quer ser lembrado?

Pensar em nossa própria mortalidade nos faz colocar nossa vida em perspectiva. Qual é o seu legado? Quais são as histórias que as pessoas vão contar quando você se for? Você quer ser a pessoa que passou o tempo todo no sofá assistindo Netflix ou The Voice Kids (não que seja ruim, pelamordedeus)? O que seu obituário vai dizer? O que você gostaria de dizer? Como você pode começar a trabalhar para isso hoje?

Descobrir seu propósito na vida essencialmente se resume a encontrar uma ou duas coisas que são maiores que você. É sobre viver uma vida de alegria e amor ao gastar seu tempo nesta Terra com intençãoVocê não precisa salvar o mundo para ter um propósito mais profundo, você apenas tem que viver bem a sua vida .

Aos poucos nós vamos descobrindo a que viemos e porquê viemos para nesse mundo. E tenha certeza, não foi por acaso!

Comment

EnglishPortuguese